THE FASHION T'S

Fashion. Make. Beauty. More.

Aventura de Plástico

Leave a comment

Lego

O post de hoje tem mais a ver com a galera que tem um pézinho no lado nerd da força. Meninas que amavam vestir suas Barbies, mas também passavam horas criando cidades de LEGO. LEGO… Que parada genial. Fala sério, o dinamarquês Ole Kirk Christiansen teve uma ideia muito boa ao idealizar um brinquedo cujo conceito se baseia em partes de plástico que se encaixam permitindo inúmeras combinações. Você não diz “Tô brincando de carrinho”, “…de boneca”, não é uma coisa definida: você tá brincando com qualquer coisa. Você tá brincando com o que quiser, você inventa a brincadeira. E com LEGO dá pra inventar de tudo!

Desde a década de 50, quando começou a se popularizar, o brinquedo vem fazendo parte da infância (da adolescência e da idade adulta) de muita gente. Aí, sendo parte do universo geek, não tardou para o LEGO ser adaptado para os jogos virtuais. Ele tem versões para PS, Xbox, Wii e os mais variados consoles.

Depois de tantos games de sucesso reimaginados com os bonequinhos montáveis, surge agora o filme “Uma Aventura LEGO” (“The LEGO Movie” no original), que vem para expandir o universo de um dos brinquedos mais amados da cultura pop. A animação foi lançada nos EUA no dia 7 de fevereiro e tem surpreendido em bilheteria: abocanhou o primeiro lugar. Entre a última sexta (14) e domingo (16), a produção arrecadou cerca de US$ 69,1 milhões (R$ 155,6 milhões).

The Lego Movie

No longa, dirigido por Phil Lord e Christopher Miller (ambos também diretores de “Tá Chovendo Hambúrguer”), Emmet (Chris Pratt) é um cidadão-LEGO comum. Quando encontra algo fora do normal nas ações cotidianas de sua cidade, ele acaba conhecendo Megaestilo (Elizabeth Banks) e descobre uma profecia da qual pode ser o escolhido. Emmet, então, deve se provar digno para acabar com o plano maligno do perverso Presidente Negócios (Will Ferrel).

Por ser da Warner, muitos dos mais conhecidos personagens do cinema e dos quadrinhos estavam liberados para serem representados no filme: temos personagens de “Harry Potter”, de “O Senhor dos Anéis”, da “Liga da Justiça” e de “Tartarugas Ninjas”, entre outros, dinamizando ainda mais o desenvolvimento de “Uma Aventura LEGO”. O roteiro afiado aborda temas que agradam crianças, mas não esquece dos adultos. Na real, o público-alvo é de faixa etária indefinida. O controle social, a desumanização do homem e a falta de tolerância são assuntos que provocam reflexão para os mais velhos. Para as crianças, o filme prega a compreensão e mostra que ainda existe muito divertimento nos brinquedos.

Com um visual inspirado na técnica de stop-motion, os criadores transpuseram para a tela tudo o que já vimos nos consoles. E, mesmo que tenhamos contato prévio com a tal forma, em praticamente todas as cutscenes  dos jogos, o visual aqui não incomoda por ser familiar. O movimento dos animais, por exemplo, sempre traz um ar quase caricatural ao modo de brincar de LEGO. Embora o tempo de contato com a película faça os movimentos parecerem mais fluidos, sempre há algo na cena para nos lembrar de como é dura e nada analógica a movimentação no mundo de plástico. Outro ponto de destaque é o incrível trabalho de sonosplatia do longa, que faz com que a comicidade não fique presa somente ao roteiro, mas também passeie por outros lugares. Talvez seja nesse aspecto em que mais se vê equilíbrio entre a ação cinematográfica e gamer, ambas empregadas no filme de diversas maneiras.

LEGO Movie Scene

E independentemente de você já ter conseguido ou não assistir ao filme, é muito provável que só pelo trailer você fique morrendo de vontade de saber como ele foi feito e quais as técnicas de animação e efeitos visuais foram empregados. Eu fiquei, e numa busca por informações, achei esse vídeo que explica sobre. É do Hollywood Streams e traz os atores Liam Neeson, Chris Pratt e Will Ferrell discutindo como os animadores criaram as expressões faciais de seus personagens no longa. Isso tudo, com direito a algumas cenas da produção nos computadores.

Ficha técnica
Uma Aventura LEGO
(The LEGO Movie, 2014)
Direção: Christopher Miller, Phil Lord
Gênero: Animação
Duração: 104 minutos
Censura: 14 anos

Advertisements

Author: Ingrid Woigt

Criança de 22, com coração grande, que gosta de bacon, de sagas, de coisa nova, de coisa velha e de gente engraçada. E de escrever.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s