THE FASHION T'S

Fashion. Make. Beauty. More.

O que você quer fazer antes de morrer?

Leave a comment

Você já parou para pensar em tudo que pretende fazer antes de morrer? E uma lista com cem coisas que gostaria de fazer? Já fez? Numa garagem em Victoria, no Canadá, quatro meninos que estavam cansados do comum e queriam algo diferente para suas vidas se perguntaram quais eram seus principais objetivos de vida. Então, no verão canadense de 2006, os quatro pegaram sua lista de 100 coisas para fazer antes de morrer, um ônibus que reformaram e nomearam Penelope, uma câmera comprada no eBay e um plano para então saírem pelas estradas com o projeto The Buried Life.

390087_329077110459275_2112488839_n (1)

Buried Life feat. Penelope. (foto: página oficial do Facebook)

Mas como tudo isso começou? Dois deles (Ben Nemtin e Duncan Penn) se encontraram num bar e começaram a planejar um filme. Duncan sugeriu chamar seu irmão, Jonnie Penn, já que ele sempre foi ligado em cinema. Jonnie, por sua vez, chamou Dave Lingwood, com quem estava tendo conversas do mesmo nível. De repente, os quatro estavam conversando por Skype e começaram a fazer um brainstorming sobre temas.

285535_233820366651617_748045_n

Os melhores lanches que poderiam conseguir para crianças de um bairro pobre brasileiro, em 2011. (foto: página oficial do Facebook)

Foi quando, dois meses depois disso tudo, surgiu a ideia de sair numa road trip pelos Estados Unidos e Canadá por duas semanas com uma lista de cem coisas para fazer antes de morrer e um plano: para cada item riscado da lista, os quatro riscariam um item da lista de algum estranho qualquer, como um retorno para a sociedade pelo que eles conquistaram. O nome surgiu de um poema que Jonnie leu numa aula de inglês na faculdade.

O plano inicial era de fazer um documentário durante o período de férias da faculdade. Mas a ideia dos quatro amigos era tão, mas tão brilhante que logo eles estavam virando um sucesso no Youtube. Eles estavam tão grandes na internet que tinham sido convidados para fazer programas, porém sem a mesma autonomia que eles tinham quando faziam tudo por conta. Logo, recusaram esses convites. Até que a MTV apareceu dando a autonomia que eles queriam (edição, produção, tema, liberdade criativa…) e o canal seria responsável por apenas transmitir o chamado programa de realidade documentada.

38273_135252186508436_8144481_n

Outro item: sentar no sofá da Oprah. (foto: página oficial do Facebook)

lista de 100 coisas ainda tem muitos itens sem riscar, mas a maioria já foi realizada, por exemplo #59 Chamar a garota dos seus sonhos para sair, #53 Fazer um programa de televisão, #38 Beijar a taça Stanley (taça de hóquei) e #89 Jogar basquete com o presidente (no caso, o Obama). Por conta dessas realizações, outras tantas foram feitas também, seguindo o plano inicial: reformar uma sala de escola pública, fazer possível que uma menina dissesse que ama a mãe e fazer uma mulher ser carregada por uma plateia de show.

Mesmo com o, por ora, fim do programa, eles não pararam de ajudar as pessoas, através de palestras, visitas e até mesmo riscando listas de estranhos. Eles também não pararam de riscar itens da própria lista: o mais recente deles é #19 escrever um livro. O jornal The New York Times considerou o livro o top 01 mais vendido dos Estados Unidos. O conteúdo das páginas conta com histórias sobre como tudo começou, experiências durante os anos de projeto até 2012, quando o livro foi lançado, e motivar pessoas a mudarem suas vidas, convencendo-as de que, acreditando e correndo atrás, há muito o que se pode fazer.

402972_506683072698677_262405420_n

#122: mandar o livro para o espaço (foto: página oficial do Facebook)

É tudo muito bonito. Se você quiser assistir às duas temporadas da série, baixe nas ilegalidades ou, caso seja membro do Netflix, boatos de que você pode ver lá. O livro, bom, aí acho que fica mais difícil. Mas você pode acompanhar os quatro meninos pelo Tumblr, Facebook, Youtube e Twitter, que eles sempre atualizam tudo! Uma outra dica para a vida é fazer sua própria lista. Fiz a minha em 2010 e já risquei algumas coisinhas, como fazer um anjo na neve, passar numa universidade pública e ir a um show internacional. É revigorante cumprir essas coisas :)

Advertisements

Author: Mayara Abreu Mendes

Azarada, confusa, perdida, exagerada, reclamona, maluca, tagarela, blogueira, procrastinadora, espírito de gorda, unespiana, futura jornalista.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s