THE FASHION T'S

Fashion. Make. Beauty. More.

Ilustradores – Jason Levesque a.k.a. Stuntkid

Leave a comment

Mais um ilustrador da semana especial. E hoje temos a estreia da linda da Mariana Cagnin, que fez Curso Abril de Jornalismo. Se Gód quiser, ela irá escrever sobre design e afins aqui no blog. Não é uma maravilha ?! Chega de lenga lenga e vamos pro post dela!

Bem, sou nova por aqui. E confesso que estou há muito tempo sem escrever. Às vezes, no balançar da nossa vida, nos vemos obrigados a escolher apenas um caminho e seguir cegamente por ele, quando na verdade temos tantos outros interesses e tantas coisas que gostaríamos de aprender, desenvolver. No meu currículo, sou ilustradora (artista visual, designer, sei lá). Escrevo porque gosto de contar histórias, não porque eu me considere simplesmente uma escritora (talvez eu seja, em algum nível). Mas, sabe, eu me arrisco porque não posso perder a oportunidade de me expressar, seja em qual meio for. Então escrever para este blog significa também dar uma chance para esse meu lado escritor enferrujado.

Começo este post falando um pouco sobre um dos meus ilustradores favoritos, o Stuntkid.

75a4e2b96d26956b73d00b32b3e3034e

Jason Levesque, mais conhecido como Stuntkid, é um artista americano que publica para diversas revistas e periódicos pelo mundo. O estilo de suas ilustrações é um art-nouveau meio psicodélico. Suas figuras femininas tem expressão, delicadeza e sensualidade, mas o que mais me atrai em sua obra é o tom mórbido em contraste com as cores pastéis, criando essa dualidade de intenções e sensações. E o mais impressionante é que no meio de tudo isso existe harmonia.

Além de se interessar por artes plásticas ou histórias em quadrinhos, Jason tem uma fascinação por Biologia e Ciências Naturais, o que explica em parte a morbidez em sua obra. Essa ligação com o carnal não é meramente gratuita e nos faz lembrar de que estamos vivos e que somos feito de carne e osso, literalmente.

Outra curiosidade, para os mais entendidos no assunto, é que ele ilustra em vetor. Em alguns vídeos, ele mostra seu processo criativo, que envolve geralmente um rascunho seguido da arte final, sem dispensar uma referência fotográfica.

Ao descrever sua rotina diária, ele diz “Arte, arte, arte, comer, arte, arte, conversar sobre arte com minha esposa, arte, comer, dormir e sonhar com arte”. Confesso que isso me lembra um pouco de mim mesma. Talvez a arte seja uma obsessão, daquelas que se tornam tão parte de você que você não existe mais sem ela, vira uma identidade mesmo. Mas, para mim, arte não é só aquilo que é produzido, a arte está em tudo o que nós fazemos, em nossos pensamentos, em nossas ações, no jeito em que organizamos nosso caderno ou nosso prato do almoço, ou então na visão que temos sobre o mundo. No fundo, somos todos um pouco artistas, um pouco enlouquecidos…

This slideshow requires JavaScript.

Gostaram?

Tainá Goulart e Mariana Cagnin

Advertisements

Author: Tainá Goulart

Sinapses

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s